A que é: Amamentação exclusiva

A amamentação exclusiva refere-se à prática de alimentar um bebê apenas com leite materno durante os primeiros seis meses de vida, sem a introdução de qualquer outro tipo de alimento ou bebida, exceto quando indicado por um profissional de saúde.


Isso significa que o bebê recebe apenas leite materno, seja através do aleitamento materno direto ou por meio de expressão do leite materno e alimentação com mamadeira.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) e outras organizações de saúde recomendam a amamentação exclusiva nos primeiros seis meses de vida do bebê, pois o leite materno fornece todos os nutrientes necessários para o crescimento e desenvolvimento saudáveis durante esse período. O leite materno contém anticorpos que ajudam a proteger o bebê contra infecções e oferece benefícios tanto para o bebê quanto para a mãe.

Após os seis meses, a introdução gradual de alimentos complementares é recomendada enquanto a amamentação continua até pelo menos dois anos de idade ou mais, conforme desejado pela mãe e pelo bebê.

A amamentação exclusiva nos primeiros seis meses é um importante componente dos cuidados com a saúde infantil e materna. No entanto, as necessidades individuais podem variar, e é sempre aconselhável seguir as orientações do profissional de saúde responsável pelo acompanhamento do desenvolvimento do bebê.