O que é: Xeroftalmia

A xeroftalmia é uma condição ocular caracterizada pela secura extrema dos olhos devido à deficiência de vitamina A. É uma doença comum em áreas com baixo acesso a alimentos ricos em vitamina A, como frutas e vegetais. Neste artigo, discutiremos a definição e as causas da xeroftalmia, bem como os sintomas, diagnóstico e tratamento associados a essa condição.


O que é Xeroftalmia: definição e causas

A xeroftalmia é uma doença ocular que ocorre devido à deficiência de vitamina A no organismo. A vitamina A é essencial para a saúde dos olhos, pois ajuda a manter a superfície ocular úmida e saudável. Quando há uma deficiência dessa vitamina, as glândulas responsáveis pela produção de lágrimas não funcionam corretamente, resultando em olhos secos e irritados.

As principais causas da xeroftalmia estão relacionadas à falta de consumo de alimentos ricos em vitamina A. Em áreas onde a dieta é pobre em frutas, vegetais e alimentos de origem animal, a deficiência de vitamina A é mais comum. Além disso, certas condições médicas, como doenças intestinais que afetam a absorção de nutrientes, também podem contribuir para a ocorrência de xeroftalmia.

Sintomas, diagnóstico e tratamento da Xeroftalmia

Os sintomas da xeroftalmia podem variar de leves a graves e incluem olhos secos, vermelhos e irritados, sensação de areia nos olhos, dificuldade em abrir os olhos pela manhã e visão turva. A falta de vitamina A também pode levar a outros problemas oculares, como cegueira noturna e úlceras na córnea.

O diagnóstico da xeroftalmia é feito por um oftalmologista, que realizará um exame ocular completo e poderá solicitar exames de sangue para verificar os níveis de vitamina A no organismo. O tratamento da xeroftalmia envolve a suplementação de vitamina A, seja por meio de alimentos ricos nesse nutriente ou por meio de suplementos vitamínicos prescritos pelo médico. Em casos graves, pode ser necessário o uso de colírios lubrificantes para aliviar os sintomas de olho seco.

A xeroftalmia é uma condição ocular séria que pode afetar a qualidade de vida das pessoas. É importante manter uma dieta equilibrada e rica em alimentos que contenham vitamina A para prevenir a deficiência dessa vitamina. Se você apresentar sintomas de xeroftalmia, é fundamental procurar um médico oftalmologista para obter um diagnóstico adequado e iniciar o tratamento necessário. Com o tratamento adequado, é possível aliviar os sintomas e preservar a saúde ocular.